Professores defendem a vida e a educação e grande midia aliada a CONSED e UNDIME e ao empresariado avança sobre a educação pública

Enquanto milhões de professores, sem a demandada priorização na vacinação, continuam trabalhando cotidianamente de forma remota sem as condições necessárias de acesso à vacina já e aos meios e instrumentos que favoreçam chegar de forma plena a cada um de seus estudantes, os governos estaduais e municipais decretaram a retomada do ensino presencial em 2021 em um quadro de crescimento acelerado dos casos de contaminação e de mortes em nosso país.

A posição dos profissionais da educação em vários municípios, vem sendo apoiada pelos Conselhos de Escola, pelos Conselhos Municipais de Educação, entidades sindicais e por movimentos sociais que se articulam de forma coletiva para demandar do poder público a priorização na vacinação bem como as medidas necessárias , do ponto de vista sanitário e pedagógico, que garantam a retomada segura, para todos e cada um dos estudantes, das atividades presenciais e dos processos educativos nos espaços escolares.

Neste trágico quadro, a grande midia e aproximadamente 30 fundações empresariais – algumas das quais já vêm atuando há décadas junto a redes municipais e estaduais, no campo da formação, currículo e avaliação de estudantes e professores -, se articulam com o tema O Futuro conta com a Educação e a Educação conta com você, ignorando a luta por Vacinação Já e vacinação massiva de nosso povo.

Em parceria com o CONSED – Conselho Nacional de Secretários de Educação , UNDIME – União dos Dirigentes Municipais de Educação e mais de 30 organizações sociais, institutos e fundações que atuam na educação, dentre as quais Cenpec, Ensina Brasil, FGV, Fundação Maria Cecília Souto Vigidal, Futura, Fundação Lemann, Fundação Grupo Volkswagen, Fundação Telefonica – Vivo, Imaginable Futures, Instituto BEI, Instituto Natura, Instituto Oi Futuro, Instituto Península, Instituto Unibanco, Instituto Votorantim, Itaú Educação e Trabalho, Itaú Social, Instituto Alana, Instituto Ayrton Senna, Movimento pela Base, Nova Escola, Parceiros da Educação, Porvir e Unicef.

Leia aqui

A campanha – 4 videoclips de 30′ cada, é iniciativa da Rede globo e Fundação Roberto Marinho, e tem como objetivo incentivar o fortalecimento do vínculo com a escola, o combate à evasão escolar e o retorno seguro às aulas.

Veja o clip aqui

Segundo a matéria outra parte da campanha pretende dar apoio a professores e alunos durante as aulas remotas... quase 1.000 horas de videoaulas do ensino médio estão disponíveis para estudantes na internet desde a última segunda-feira (1º).

No mês em que completamos um ano de pandemia sob ensino remoto e atividades mitigadoras permanentes junto às escolas e comunidades, sem as necessárias ações do Ministério da Saúde para ao controle da COVID-19, na perversa mensagem empresarial veiculada, “a ideia é dizer a alunos e professores que eles não estão sozinhos, e não deixar nenhum estudante para trás”.

Esta iniciativa que aprofunda a pressão das fundações empresariais e OS sobre as redes públicas, além de intervir no caráter do trabalho educativo e nos projetos politico pedagógicos de cada escola, ignora a luta dos professores nas redes estaduais e municipais e dos seus estudantes , que navegam contra a maré dada a historica ausência das condições necessárias – acesso gratuito a internet, banda larga, tablets e outros instrumentos – que garantam a igualdade nos processos educativos para todos e cada um dos estudantes no quadro atual da pandemia.

Nossos comentários no próximo post.

Esse post foi publicado em Assuntos Gerais. Bookmark o link permanente.

3 respostas para Professores defendem a vida e a educação e grande midia aliada a CONSED e UNDIME e ao empresariado avança sobre a educação pública

  1. FRANCISCA PASSOS disse:

    Lamentavel!
    Vida de professores e professoras importam!
    Portanto, coloquem estes profissionais como prioridade para vacinação!
    Reconhecemos os grandes prejuízos educacionais dos estudantes, mas a responsabilidade nao é dos docentes. Sim de um país desgovernado, sem planejamento, sem liderança! Tristeee!

    Curtir

  2. Ana Rosa Peixoto de Brito disse:

    PARABÉNS Bravissima Helena. Você sempre contruindo de forma competente com nossas reflexões.

    Curtir

  3. Márcia Maria de Oliveira Melo disse:

    Enquanto o vírus da Covid recente atinge a humanidade, uma dada ideologia empresarial continua solta e às avessas, vai fabricando os seus conceitos, difundido-os “ em prol da humanidade” junto aos que fazem a educação. É de se lamentar tamanha intervenção paralela… que requer um trabalho intensivo da sociedade, dos que fazem a educação pública no batente das escolas e da universidade e em outros setores educacionais e políticos, em desmistificar essa concepção de “educação progressista empresarial” que há muito, deixa de lado, tantas lacunas que se forem preenchidas por dentro pode quebrar o seu discurso , conforme Marilena Chaui. Nesse sentido, além da da nossa luta diária, enquanto profissional de ensino no plano científico -cultural (do que existe de mais contemporâneo no universo das ciências e das humanidades”, educar também na troca coletiva e democrática, de modo a desvendar as lacunas existentes na realidade.

    Curtir

Deixe uma resposta para FRANCISCA PASSOS Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s